Marque sua consulta

    O que é efeito bulldog?

    efeito bulldog

    Com o passar do tempo, é natural que a pele perca a elasticidade e a aparência jovem. De maneira gradual, ela perde água e colágeno, dois elementos indispensáveis para a sua sustentação. O resultado? A temida flacidez…

    Infelizmente, o impacto desse processo no rosto é bem visível, fazendo com que a bochecha desça, causando o que chamamos de efeito bulldog. Essa é uma alusão à raça de cachorro do mesmo nome, conhecido por ter as bochechas caidinhas.

    Até aí tudo bem – no mundo animal, esse cachorro é considerado fofo e muito querido. Mas ninguém quer se parecer com um bulldog, certo? Combater o envelhecimento precoce é imprescindível para que essa semelhança não aconteça!

    A bochecha é uma das primeiras a serem afetadas durante o processo de envelhecimento. Por se localizar na parte central do rosto, acaba chamando mais atenção, transformando-a na campeã de insatisfação nos consultórios dermatológicos.

    Isso acontece porque os compartimentos de gordura que temos no rosto se modificam com a ação do tempo. Dessa maneira, as bochechas são afetadas pela lei da gravidade, tornando a flacidez visível na maioria das pessoas.

    Como prevenir o efeito bulldog?

    Infelizmente não há como parar a ação do tempo: ele é implacável. No entanto, o que torna uma pele mais bonita e firme que a outra é a atenção que se dá à saúde do corpo como um todo. Ou seja, manter uma alimentação equilibrada, tomar bastante líquido e ter uma rotina de skincare, com o uso de loção de limpeza, hidratante e filtro solar adequados à pele é indispensável.

    Por isso a importância de conhecer o seu tipo de pele, com o objetivo de direcionar os dermocosméticos certos que ajudam a proteger rosto e corpo dos efeitos nocivos da poluição, raios UVA e UVB e do ressecamento provocados pela poeira, poluição, sol e até mesmo o estresse do dia a dia.

    Utilizar produtos que não sejam recomendados por profissionais não é o ideal. Além de gastar com algo que não tenha o efeito esperado, alguns cosméticos podem provocar oleosidade na pele, ocasionando cravos e espinhas. 

    O “segredo” para prevenir o efeito bulldog é o acompanhamento com o dermatologista. Ele vai prescrever o tratamento adequado, ajudando a barrar os sinais do tempo.

    Existente tratamento estético para amenizar a flacidez?

    Além do skincare que ajuda na prevenção, o tratamento estético é a opção mais acertada para as pessoas que querem se livrar do efeito bulldog. Procedimentos dermatológicos podem evitar as cirurgias, cuja recuperação é mais demorada e, também, dolorida.

    Procedimentos menos invasivos são bem indicados nessa situação, pois não causam desconforto, o efeito é quase imediato. A recuperação é rápida e os efeitos têm boa durabilidade. 

    Veja os tratamentos mais utilizados para melhorar a aparência das bochechas caídas:

    Preenchimento com ácido hialurônico

    O ácido hialurônico se tornou o queridinho dos tratamentos estéticos. Presente em cremes, loções e demais cosméticos, ele pode ser aplicado diretamente na pele, corrigindo sulcos, rugas e cicatrizes.

    Acontece que o ativo tem uma grande capacidade de atrair água, o que ajuda na hidratação da pele, reposição de volume e estimulação do metabolismo da célula.

    Diferentemente da toxina botulínica, que paralisa o músculo, o ácido hialurônico se acomoda homogeneamente nas camadas do tecido, promovendo uma maior harmonia facial. Ele proporciona uma sutil e natural volumização dos lábios, maçãs do rosto, sulco de olheiras, queixo e mandíbula.

    A técnica consiste na injeção da substância na área a ser tratada, sem necessidade de anestesia. Para melhor conforto do paciente são utilizados anestésicos tópicos, na forma de cremes, aplicados 30 a 60 minutos antes do preenchimento, para atenuar a sensação da picada da agulha.

    Bioestimuladores

    Bioestimuladores são substâncias desenvolvidas especialmente para estimular a produção de fibras de colágeno nas regiões onde são aplicadas, obtendo ótimos resultados para o rosto e o corpo, em especial no tratamento de rugas e flacidez.

    Vale ressaltar que os bioestimuladores não são produtos para preenchimento facial, mas promovem aumento na quantidade de colágeno novo, levando rejuvenescimento real aos locais da aplicação, com melhora da firmeza da pele.

    Os resultados podem ser percebidos na segunda sessão, geralmente, 2 meses após o início das aplicações, permanecendo por até 2 anos, dependendo de cada paciente.

    Ultraformer III

    Ultraformer é um aparelho de ultrassom microfocado ou macrofocado que emite energia de alta intensidade, atuando na camada mais profunda da pele. Em outras palavras, o tratamento alcança melhores resultados onde os cremes não conseguem agir.

    Dessa maneira, o ultrassom favorece a produção e remodelação do colágeno em diferentes profundidades, conferindo o aumento da espessura da pele e da fáscia muscular, promovendo contração local e firmeza, o que melhora a estruturação e contorno facial. É como um lifting não-cirúrgico.

    O Ultraformer III é indicado para remodelação do contorno corporal, diminuição da flacidez facial, tratamento de rugas, tratamento de gordura localizada e flacidez da pálpebra, entre outros sinais da idade.

    Aqui na clínica Lucas Miranda investimos no que há de melhor em tratamentos dermatológicos para atender nossos pacientes com excelência e eficácia. Por isso, oferecemos procedimentos de alta tecnologia e profissionais capacitados, cujo único objetivo é realçar sua beleza e melhorar sua autoestima.Agende sua consulta com a gente e venha conhecer o melhor encontro entre a medicina especializada e a tecnologia inovadora.

    ©2021 Lucas Miranda. Todos os direitos reservados.
    Desenvolvido por Acesso Marketing e 909 Web Studio.

    Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar nossa publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar a navegação em nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade.